Pesquisa personalizada

sexta-feira, 11 de junho de 2010

As pérolas do Zézé Camarinha, o maior macho men português


1- “Crime namber six not one!” (O Zeze aconselhando uma camone a espalhar o creme bronzeador o5-TVI 2000)

2- “My massage is the best massage” (o Zeze com a mesma camone a oferecer-se para lhe fazer umas massagens…-TVI 2000)

3- “Why don””t you go to the beach? You””re very white!” (o nosso herói abordando uma camone nas ruas de Portimão…-TVI 2000)

4-” A nossa juventude e uma desgraça! Só tenho pena de eu andar sozinho neste jogo do engate aqui no Algarve! A juventude hoje em dia só pensa em drogas, e em futebol! Tenho pena de não deixar nenhum sucessor!” (em entrevista na Sic, no programa do Ze Figueiras-2003)

5- “Você duvida da minha machidade?? Eu sou mesmo macho e tudo o que digo faço! Se duvida vamos ali para trás do cortinado e tira as duvidas! Nem precisa esgalhar-me o pessegueiro, a alavanca sobe automaticamente!!” (o Zeze ferido do seu orgulho ainda no mesmo programa, acusado pela Paula Coelho, apresentadora do Sic Noticias, de ser “Muita Parra e Pouca Uva”)

6-”Eu arranjei nesta praia, passaportes para toda a Europa! Sou como os jogadores da bola, trabalho no verão, para ir a Europa no Inverno! As camones quando chegam ao aeroporto de Faro, já trazem a minha foto na mão, aconselhadas pelas amigas!” (TVI- 2000)

7-”Ja apanhei grandes malucas na cama! Algumas gostavam que eu lhes arriasse nas nádegas durante o acto sexual! Tinham essa tara, e eu tinha de lhes fazer o gosto” (TVI-2000)

8-”Eu costumo dizer que sou massagista para ver se me toca alguma coisa, também lhes digo que sou astrólogo para lhes ler a sina. Se nenhuma destas resultar digo que sou fotografo…” (a explicar como mete conversa com elas…TVI-2000)

9-”Quem sou eu? Sou o último dos machos latinos, que tem o sangue de macho a escorrer nas veias, que sente orgulho em ser homem para satisfazer as tão necessitadas mulheres que me chegam as mãos de todos os cantos do mundo!” (TVI-2000)

10-”Ja fui para a cama com mais de 1500 mulheres, devo estar quase a chegar a mulher 2000! Quando isso acontecer, dou uma festa no meu bar no Algarve!” (Sic-2003)

11-”Eu na outra reencarnação devo ter sido penso isofrenico, daquelas da Evax ou da Insónia, pois adoro andar entre as pernas das mulheres!”-(Sic Radical-2002)

12-”Tenho mulheres que choram para eu ir lá a casa delas tirar-lhes as cócegas! Os maridos são uns bêbedos que lhes batem sem do nem piedade!!” (Tal e Qual-2002)

13-”E evidente que já não dou dez seguidas como dava antigamente! Quando era novo dava mais de 50 num só dia, agora devo andar na casa das 20 ou 25 por dia, o que e bem bom para a minha idade!” (Tal e Qual-2002)

14- “Quando morrer quero que o meu pénis seja embalsamado e cremado, e que as cinzas sejam espalhadas por estas praias do Algarve desde Lagos a Faro que e o meu território de caça! Deste modos as praias serão purificadas…Claro que haverá cinza suficiente!!” (Sic-2002)

15- “Tenho prazer em galantear as mulheres, em meter conversa com elas! Elas ate me pagam para eu lhes satisfazer! O BMW que tenho foi-me oferecido por uma chinesa boa como o milho que dizia que o marido não lhe satisfazia pois tinha uma **** microscópica! (Sic-2002)

16-”Por vezes vou ate a uns hotéis, e como conheço lá os empregados, pergunto sempre se a ultima fornada de mulheres que lá chegaram vale a pena…Se forem pitinhas daquelas que só pensam em discotecas e fumar merdas, bazo logo! Prefiro gajas mais maduras!” (Tal e Qual 2001)

17-”Eu sou como o Jardel, em frente a baliza nunca falho, e golos de cabeça e a minha especialidade…e olhe que o Jardel já falhou muitos golos de cabeça, ao contrario de mim!” (SIC- Noites Marcianas-2001)

18-”Quando era miúdo a minha mãe que era cozinheira num restaurante aqui da Praia de Portimão, dava-me óleo de fritar o peixe, depois bronzeava-me com ele e punha uma toalha aqui e outra lá ao fundo onde vê aquele chapéu de sol da Sprite…Tudo o que fosse camone e invadisse este espaço, marchava logo!” (TVI-2000)

19-”Tou farto de portuguesas! Um gajo para lhes saltar em cima tem de mostrar o B.I e nem isso chega! As camones olham para ti, e tu sabes logo que elas querem-te comer ate ao ultimo ossinho, e acreditem que eu tenho muito para ser comido!” (Sic-2003)

20-”Quando não conseguir levantar o pessegueiro?? Recorro ao Viagra!! Vergonha?? Vergonha e roubar e não conseguir fugir!” (Sic 2001)

Zé Zé Camarinha - Cabaret da Coxa

Foda-se... Por Millôr Fernandes


O nível de stress de uma pessoa é inversamente proporcional à quantidade de "foda-se!" que ela diz. Existe algo mais libertário do que o conceito do "foda-se!"? O "foda-se!" aumenta a minha auto-estima, torna-me uma pessoa melhor. Reorganiza as coisas. Liberta-me. "Não quer sair comigo?! - então, foda-se!" "Vai querer mesmo decidir essa merda sozinho(a)?! - então, foda-se!" O direito ao "foda-se!" deveria estar assegurado na Constituição. Os palavrões não nasceram por acaso. São recursos extremamente válidos e criativos para dotar o nosso vocabulário de expressões que traduzem com a maior fidelidade os nossos mais fortes e genuínos sentimentos. É o povo a fazer a sua língua. Como o Latim Vulgar, será esse Português Vulgar que vingará plenamente um dia. "Comó caralho", por exemplo. Que expressão traduz melhor a ideia de muita quantidade que "comó caralho"? "Comó caralho" tende para o infinito, é quase uma expressão matemática.


A Via Láctea tem estrelas comó caralho! O Sol está quente comó caralho! O universo é antigo comó caralho! Eu gosto do meu clube comó caralho! O gajo é parvo comó caralho! Entendes? No género do "comó caralho", mas, no caso, expressando a mais absoluta negação, está o famoso "nem que te fodas!". Nem o "Não, não e não!" e tão pouco o nada eficaz e já sem nenhuma credibilidade "Não, nem pensar!" o substituem. O "nem que te fodas!" é irretorquível e liquida o assunto. Liberta-te, com a consciência tranquila, para outras actividades de maior interesse na tua vida. Aquele filho pintelho de 17 anos atormenta-te pedindo o carro para ir surfar na praia? Não percas tempo nem paciência. Solta logo um definitivo: "Huguinho, presta atenção, filho querido, nem que te fodas!". O impertinente aprende logo a lição e vai para o Centro Comercial encontrar-se com os amigos, sem qualquer problema, e tu fechas os olhos e voltas a curtir o CD (...) Há outros palavrões igualmente clássicos. Pense na sonoridade de um "Puta que pariu!", ou o seu correlativo "Pu-ta-que-o-pa-riu!", falado assim, cadenciadamente, sílaba por sílaba. Diante de uma notícia irritante, qualquer "puta-que-o-pariu!", dito assim, põe-te outra vez nos eixos. Os teus neurónios têm o devido tempo e clima para se reorganizarem e encontrarem a atitude que te permitirá dar um merecido troco ou livrares-te de maiores dores de cabeça. E o que dizer do nosso famoso "vai levar no cu!"? E a sua maravilhosa e reforçadora derivação "vai levar no olho do cu!"? Já imaginaste o bem que alguém faz a si próprio e aos seus quando, passado o limite do suportável, se dirige ao canalha de seu interlocutor e solta: "Chega! Vai levar no olho do cu!"?


Pronto, tu retomaste as rédeas da tua vida, a tua auto-estima. Desabotoas a camisa e sais à rua, vento batendo na face, olhar firme, cabeça erguida, um delicioso sorriso de vitória e renovado amor-íntimo nos lábios. E seria tremendamente injusto não registar aqui a expressão de maior poder de definição do Português Vulgar: "Fodeu-se!". E a sua derivação, mais avassaladora ainda: "Já se fodeu!". Conheces definição mais exacta, pungente e arrasadora para uma situação que atingiu o grau máximo imaginável de ameaçadora complicação? Expressão, inclusivé, que uma vez proferida insere o seu autor num providencial contexto interior de alerta e auto-defesa. Algo assim como quando estás a sem documentos do carro, sem carta de condução e ouves uma sirene de polícia atrás de ti a mandar-te parar. O que dizes? "Já me fodi!" Ou quando te apercebes que és de um país em que quase nada funciona, o desemprego não baixa, os impostos são altos, a saúde, a educação e … a justiça são de baixa qualidade, os empresários são de pouca qualidade e procuram o lucro fácil e em pouco tempo, as reformas têm que baixar, o tempo para a desejada reforma tem que aumentar … tu pensas “Já me fodi!” Então:

Liberdade,

Igualdade,

Fraternidade e foda-se!!!

Mas não desespere:

Este país … ainda vai ser “um país do caralho!” Atente no que lhe digo!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...