Pesquisa personalizada

sexta-feira, 9 de setembro de 2011

EDP: Projecto eólico WindFloat vai ser testado na Póvoa de Varzim



Chama-se “WindFloat” e é um projecto de energia eólica montado no mar, no qual a EDP vai apostar, com um investimento que ronda os 20 milhões de euros. Poderá permitir a criação de 8000 postos de trabalho.
Póvoa de Varzim será o destino final da estrutura que está a ser montada na Lisnave, em Setúbal. Trata-se de um projecto de energia eólica, que resulta de uma aposta da EDP, através do seu Departamento de Inovação.

E é precisamente de inovação que se trata, porque o WindFloat consiste em aproveitar um recurso ilimitado, através das mais modernas tecnologias na área da energia renovável.

O projecto – cuja apresentação decorreu hoje – acarreta um investimento na ordem dos 20 milhões de euros, que pode gerar a criação de 8000 novos empregos, ao mesmo tempo que dinamiza sectores da economia que estão adormecidos.

O que é o WindFloat?

WindFloat [ou “vento flutuante”] é uma estrutura de apoio flutuante para turbinas eólicas, com um design simples e económico. Permite colocar no mar projectos de que Portugal dispõe, mas longe da área marítima.

As suas características inovadoras permitem reduzir a necessidade de operações de montagem e manutenção. Vários projectos estão em desenvolvimento para a instalação de unidades comerciais, quer na Europa, quer nos EUA.  
O design do WindFloat torna possível montar a estrutura em terra. Depois, é transportada para a localização desejada. Também na montagem os custos são mais reduzidos, quando comparados com os projectos eólicos tradicionais.  





Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...